últimas notícias
Foram realizados 120 pregões, que venderam cerca de 3600 itens, entre os quais 4,5 kg de ouro
Foram realizados 120 pregões, que venderam cerca de 3600 itens, entre os quais 4,5 kg de ouro
Foto: Divulgação/Ministério da Justiça

Leilões de bens do crime batem recorde em 2020

Segundo o Ministério da Justiça, pregões geraram R$ 140 milhões; o estado de SP contribuiu com R$ 5 milhões

O ano de 2020 bateu recorde no valor arrecadado em leilões com bens apreendidos de organizações criminosas. De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, até o mês de dezembro, foram arrecadados R$ 140 milhões para o Fundo Nacional Antidrogas (Funad).

Ao todo foram realizados 120 pregões no ano de 2020, que venderam cerca de 3600 itens, com destaque para 15 diamantes, 4,5 kg de ouro, 1296 cabeças de gado, 29 toneladas de ração usada para camuflar o transporte de drogas, 2500 veículos e sete aviões. Além disso, foram arrecadados aproximadamente R$ 63 milhões em conversão de moedas estrangeiras apreendidas.

Macaque in the trees
Foto: Divulgação/Ministério da Justiça

O estado de São Paulo contribuiu com R$ 5 milhões do valor arrecadado. No estado, durante o ano, foram realizados 12 leilões de patrimônio apreendido do tráfico de drogas, que totalizaram 700 itens, entre os quais carros, motocicletas, caminhões, sucatas, eletrônicos, celulares, imóveis e itens diversos.

No geral, ainda segundo dados do Ministério da Justiça, em 2020, R$ 38 milhões foram investidos em projetos de segurança pública e combate às drogas, 40 milhões foram para o reforço dos órgãos de segurança pública, e R$ 4 milhões viabilizaram a construção da Escola Nacional de Cães de Faro, na sede da Polícia Rodoviária Federal, em Brasília, que está em fase de conclusão. No mais, foram entregues 52 viaturas descaracterizadas para as polícias civis dos estados e 40 viaturas descaracterizadas para a Polícia Federal, além da aquisição de 18 veículos para transporte de cães e 20 veículos semirreboques para hospedagem temporária de cães para a Polícia Rodoviária Federal.

Galeria de Fotos

Comentários

Tops da Gazeta