últimas notícias
Entre os imóveis mais procurados na plataforma da Emgea está um apartamento na Vila Regina
Entre os imóveis mais procurados na plataforma da Emgea está um apartamento na Vila Regina
Foto: DIVULGAÇÃO/EMGEA

União venderá imóveis por tecnologia blockchain

De acordo com a EMGEA, tecnologia traz mais segurança e transparência para o consumidor final

A Empresa Gestora de Ativos (EMGEA), responsável pela comercialização de imóveis da União, passará a utilizar a tecnologia blockchain na venda das propriedades. Segundo a empresa, a tecnologia traz mais segurança e transparência para o consumidor.

A EMGEA explica que a tecnologia blockchain é como um cofre, que garante que o que está escrito ali é íntegro. Em outras palavras, o blockchain garante que o "dono da informação é quem diz ser, o que está escrito é original, datado e não foi modificado por ninguém", o que na proposta comercial se traduz na comprovação de que foi o proponente quem fez a proposta naquela hora e ninguém a modificou.

Para adotar tal tecnologia no mercado imobiliário na venda de ativos públicos, a EMGEA conta com a parceria da startup Resale. Entre os imóveis disponíveis para venda direta ao consumidor há casas, apartamentos e terrenos, em todo o Brasil, que podem ser disputados tanto por investidores, como por quem procura um imóvel para morar com valor abaixo do mercado. Os descontos, ressalta a empresa, podem chegar a 70%.

Entre os imóveis mais procurados na plataforma da EMGEA está um apartamento residencial, de dois dormitórios, com 56 m² de área privativa, no bairro Vila Regina, zona leste da capital paulista, que pode ser adquirido a partir de R$ 199 mil, 23% abaixo do valor de avaliação.

Outra oferta interessante é uma casa de 54 m², dois dormitórios, localizada em um condomínio no bairro Tribobó, em São Gonçalo, Rio de Janeiro. Com terreno de quase 97 m², o imóvel possui valor inicial de R$ 43,5 mil, o que equivale a 60% de deságio.

Macaque in the trees
Imóvel em São Gonçalo/RJ (Foto: Divulgação)

Galeria de Fotos

Comentários

Tops da Gazeta