últimas notícias
Em 2020, a companhia ganhou várias vezes as páginas dos jornais por conta da qualidade da água fornecida aos consumidores cariocas
Em 2020, a companhia ganhou várias vezes as páginas dos jornais por conta da qualidade da água fornecida aos consumidores cariocas
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Leilão da Cedae será em 30 de abril

A expectativa é que sejam investidos R$ 30 bilhões em água e esgoto e que sejam gerados até 46 mil postos de trabalhos, entre diretos e indiretos

A Companhia Estadual de Água e Esgoto (Cedae) do Rio de Janeiro deverá ter novo responsável a partir de abril de 2021. Isso porque, segundo informações da Agência Brasil, o leilão de concessão da Cedae deve ocorrer no dia 30 de abril.

O edital de concessão da empresa foi publicado no Diário Oficial do estado no final de dezembro. A expectativa é que sejam investidos R$ 30 bilhões em água e esgoto e que sejam gerados até 46 mil postos de trabalhos, entre diretos e indiretos.

Em 2020, a companhia ganhou várias vezes as páginas dos jornais e da internet por conta da qualidade da água fornecida aos consumidores cariocas. Entre os problemas estavam água suja e com mau cheiro saindo das torneiras.

Com a concessão, a Cedae será dividida em quatro blocos, com cada um deles responsável pela prestação de serviço em uma área do estado. Ao todo, 35 cidades estão incluídas no processo, sendo que uma empresa ou consórcio pode levar mais de um bloco, desde que fique comprovado, por meio de habilitação técnica, a capacidade de garantir os investimentos para a universalização do saneamento.

Segundo o edital, os interessados terão até 120 dias para apresentar suas propostas. O critério de licitação será o de maior valor repassado ao governo em troca da exploração do serviço, sendo que o valor mínimo é de R$ 10,6 bilhões.

*Com informações da Agência Brasil

Comentários

Tops da Gazeta