X

REDES SOCIAIS

NFT do primeiro tuíte vai a leilão novamente

Após ser arrematado por R$ 13,7 milhões, NFT do primeiro tuíte volta a leilão por quase R$ 230 milhões

Gladys Magalhães

Publicado em 08/04/2022 às 19:42

Atualizado em 08/04/2022 às 19:43

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Quem coloca o tuíte à venda agora é Sina Estavi, CEO do serviço de blockchain Bridge Oracle / Antonio Cruz / Agência Brasil

Após ser arrematado por US$ 2,9 milhões, cerca de R$ 13,7 milhões, em 2021, o NFT (Token Não Fungível) do primeiro tuíte do Twitter, escrito por Jack Dorsey, volta a ser disputado em um leilão. Porém, dessa vez, ele está cotado em US$ 48 milhões, o que equivale a R$ 227 milhões.

Quem coloca o tuíte à venda agora é Sina Estavi, CEO do serviço de blockchain Bridge Oracle, que arrematou o NFT no ano passado. A peça está disponível no mercado Open Sea e, segundo Estavi anunciou em seu perfil no Twitter, metade do valor arrecadado será destinado a uma instituição de caridade chamada GiveDirectly, que ajuda pessoas no Quênia, Uganda e Ruanda.

Se o alto valor do leilão não foi suficiente para chamar atenção para a disputa, os comentários do anúncio cumpriram bem esse papel. Isso porque Dorsey, autor do tuíte, questionou Estavi sobre os motivos dele não doar 99% do valor arrecadado e ainda marcou Elon Musk, que acabou de adquirir ações da rede na conversa.

Estavi respondeu que pretende usar o restante do valor em projetos de blockchain e ajudar projetos na Malásia, seu país de origem.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

NESTA QUARTA

Autódromo de Interlagos recebe Dia do Motorista de App em SP

Evento terá show de Netinho de Paula, carros clássicos, foodtrucks e brinquedos para as crianças

FUGA E TIRO

Motociclista foge e é baleado na nuca por PM no interior de SP

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter