últimas notícias
Após a tradicional oração do Angelus, nesta segunda (13), o Papa Francisco alertou sobre violência doméstica durante isolamento
Após a tradicional oração do Angelus, nesta segunda (13), o Papa Francisco alertou sobre violência doméstica durante isolamento
Foto: ANDREW MEDICHINI/ASSOCIATED PRESS

Papa alerta para aumento da violência contra mulheres durante isolamento social

Papa Francisco advertiu para o risco da violência contra as mulheres aumentar durante o isolamento social

Após a tradicional oração do Angelus, nesta segunda-feira (13), o Papa Francisco advertiu para o risco da violência contra as mulheres aumentar durante o isolamento social, medida usada em vários países para conter a proliferação do novo coronavírus.

"Às vezes as mulheres correm o risco de ser submetidas à violência por uma convivência da qual levam uma carga muito grande", alertou o Papa.

Na Itália, o governo liberou uma verba de 30 milhões de euros para a prevenção da violência contra as mulheres, submetidas a um "alto risco pelas proibições de deslocamento.” Além disso, a governo italiano anunciou uma campanha para estimular as vítimas da violência denunciar as agressões.

BRASIL.

No Brasil, o isolamento social já fez os casos de violência doméstica aumentar. De acordo com a coordenadora de Defesa dos Direitos da Mulher da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro, Flávia Nascimento, no Rio, por exemplo, os casos de violência contra as mulheres teve um aumento de 50% durante a quarentena.

Comentários

Tops da Gazeta