últimas notícias
Bruninho (vôlei) e Ketleyn Quadros (judô) foram os porta-bandeiras do Brasil na cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio
Bruninho (vôlei) e Ketleyn Quadros (judô) foram os porta-bandeiras do Brasil na cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio
Foto: Breno Barros/rededoesporte.gov.br

Brasil desfila com delegação curta na cerimônia de abertura das Olimpíadas

Bruninho (vôlei) e Ketleyn Quadros (judô) foram os porta-bandeiras do país e sambaram na 'avenida'

A delegação do Brasil, composta por apenas quatro pessoas, desfilou na cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio, nesta sexta-feira (23).

Bruninho (vôlei) e Ketleyn Quadros (judô) foram os porta-bandeiras do país. Os atletas sambaram na "avenida" do estádio olímpico. A delegação também foi composta por Marco La Porta, chefe da missão do país, e uma funcionária administrativa.

O Brasil foi a 151º delegação a chegar ao Estádio Nacional de Tóquio. Todos usavam chinelos, e os dois atletas sambaram durante a entrada.

Comentários

Tops da Gazeta