Publicidade

X

Está chegando

Tudo que você precisa saber sobre a Copa do Mundo feminina

Começa em julho a nona edição da Copa do Mundo de futebol feminino, que será disputada na Austrália e na Nova Zelândia

Folhapress

Publicado em 27/06/2023 às 16:09

Atualizado em 27/06/2023 às 16:42

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Tire suas principais dúvidas sobre o Mundial feminino a seguir / Lucas Figueiredo/CBF

Começa em julho a nona edição da Copa do Mundo de futebol feminino, que será disputada na Austrália e na Nova Zelândia. Comandada pela sueca Pia Sundhage, a seleção brasileira tenta seu primeiro título na competição, que é dominada pelas americanas, tetracampeãs e vencedoras das duas últimas edições.

Tire suas principais dúvidas sobre o Mundial feminino a seguir.

Quando começa a Copa do Mundo feminina?

A competição acontece de 20 de julho a 20 de agosto de 2023.

Onde vai ser a Copa do Mundo feminina?

Na Austrália e na Nova Zelândia.

Quantos títulos da Copa do Mundo feminina o Brasil tem?

Nenhum. A melhor campanha verde-amarela foi em 2007, quando acabou derrotada pela Alemanha na final, por 2 a 0.

Onde assistir á Copa do Mundo feminina?

Na Globo, no SporTV e na CazéTV, canal do streamer Casimiro Miguel no YouTube.

Quem foram as últimas campeãs da Copa do Mundo feminina?

As seleções femininas da Alemanha (2007), Japão (2011) e Estados Unidos (2015 e 2019).

O Brasil joga na Copa do Mundo feminina?

No horário de Brasília:

- 24 de julho (segunda), 8h: Brasil x Panamá

- 29 de julho (quinta), 7h: Brasil x França

- 2 de agosto (quarta), 7h: Brasil x Jamaica

Qual a convocação da Seleção brasileira feminina para a Copa?

A lista será divulgada nesta terça-feira (27), às 16h (horário de Brasília).

Quem é a Técnica da Seleção brasileira feminina?

A sueca Pia Sundhage, 63, que comanda a equipe desde 2019.

Como treinadora, ela foi bicampeã olímpica (2008 e 2012) com os Estados Unidos e prata com a Suécia na Rio-2016.

Como surgiu a Copa do Mundo feminina?

A Copa do Mundo feminina começou a ser disputada em 1991, na China.

Antes do torneio oficial, houve um Mundial experimental disputado no mesmo país, em 1988.

Quem ganhou a primeira Copa do Mundo feminina?

Os Estados Unidos.

 

Quem tem mais títulos da Copa do Mundo feminina?

Também a seleção dos Estados Unidos, que é tetracampeã (1991, 1999, 2015 e 2019).

Quem é a maior artilheira de todas as Copas?

A brasileira Marta, que disputou 20 jogos e marcou 17 gols em cinco Mundiais.

Ela é a maior artilheira da história das Copas entre homens e mulheres, ultrapassando o alemão Miroslav Klose, que tem 16.

Qual a premiação da Copa do Mundo feminina?

Desde US$ 30 mil (cerca de R$ 144 mil), para cada jogadora das seleções eliminadas na primeira fase, até US$ 270 mil (R$ 1,3 milhão) para cada uma das 23 jogadoras da equipe campeã.

Para as associações, o dinheiro distribuído vai variar de US$ 1,56 milhão (R$ 7,5 milhões) pela participação na fase de grupos a US$ 4,29 milhões (R$ 20,6 milhões) para a campeã.

Onde será sediada a Copa do Mundo de 2027?

A sede ainda não foi definida.

O Brasil é um dos candidatos e tem três concorrentes.

O país enfrentará a África do Sul e duas candidaturas coletivas: a Bélgica, a Holanda e a Alemanha se apresentaram para sediar o torneio de maneira conjunta, assim como Estados Unidos e México.

O resultado será anunciado em 17 de maio de 2024.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

SEGURANÇA PÚBLICA

Sindicato protesta contra Derrite por exclusão da Polícia Civil de operação em SP

Presidente do sindicato dos delegados disse que decisão de Derrite de dar mais protagonismo à PM em detrimento à Polícia Civil pode 'fragilizar a estrutura policial'

Programa Jovem Aprendiz

Em busca do primeiro emprego? Empresa Raízen está com 240 vagas abertas

Interessados em se candidatar devem ter entre 16 e 21 anos; não é necessário ter experiência prévia

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter