últimas notícias

Pedro Nastri

-
-
Foto: Gazeta de S.Paulo

Imposto de Renda

Imposto de Renda. Com o recente adiamento do prazo de entrega da Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física 2020, para o dia 30 de junho, em função da pandemia do coronavírus (Covid-19), muitos contribuintes se encontram mais calmos, pelo prazo maior. Contudo, é importante alertar que tanto quem tem imposto a pagar como quem tem imposto a receber deve se atentar para o prazo de entrega. O início do pagamento dos impostos devidos será até 10 de junho de 2020, para a quota única ou a partir da 1ª (primeira) quota; e entre 11 de junho e o último dia do prazo, a partir da 2ª (segunda) quota. Já para que tem imposto a restituir, a Receita manteve o calendário de pagamento, sendo pago o primeiro lote em 29 de maio. Também está mantida a redução de sete para cinco lotes nas restituições deste ano.

Abertura da economia. O governador João Doria (PSDB) anunciou a reabertura gradual da economia no Estado a partir do dia 11 de maio. A medida de flexibilização do isolamento social devido ao coronavírus será feita em etapas, com autorizações específicas para cada região do estado, de acordo com o avanço da doença. O governo não informou quais estabelecimentos poderão voltar a funcionar no dia 11 de maio em cada região do Estado. Os detalhes serão divulgados somente no dia 8 de maio.

Índio com Covid-19. Um indígena guarani da comunidade Jaraguá, na zona norte de São Paulo, recebeu o resultado positivo para Covid-19 de acordo com o líder Thiago Henrique Karai Djekupe. Ele alega que faltam testes e amparo do governo. "Por estarmos em uma comunidade indígena no meio da cidade São Paulo já era esperado que o coronavírus nos alcançasse. Há mais de semanas foi pedido o teste para o paciente e o laudo chegou só hoje", afirmou Thiago.

Impeachment de João Doria. Os deputados estaduais Frederico D'Ávila, Gil Diniz (PSL), Douglas Garcia (PSL), Major Mecca (PSL) e Valéria Bolsonaro (PSL) protocolaram no dia 22 um pedido de impeachment do governador de São Paulo, João Doria (PSDB). Em nota, D'Ávila afirma que o pedido foi feito com base no acordo anunciado por Doria com as operadoras de telefonia celular para o levantamento de índices de isolamento social durante a pandemia do novo coronavírus e a fala do governador de que "poderia prender o cidadão que desobedecer a quarentena". O deputado ainda cita o uso de um helicóptero do Comando de Aviação da Polícia Militar pelo governador. 

Comentários

Tops da Gazeta