X

SAÚDE PÚBLICA

Com aumento dos casos de dengue, preço de repelentes sobem em SP

Preços de repelentes aumentam 15,78% em média na Capital

Yasmin Gomes

Publicado em 20/02/2024 às 17:18

Atualizado em 21/02/2024 às 14:17

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Repelente / Freepik

Entre dezembro do ano passado e fevereiro deste ano os repelentes de insetos aumentaram cerca de 15,78% em São Paulo, segundo o levantamento realizado pela Fundação Procon-SP. As diferenças chegaram a 84,19% para o mesmo produto em farmácias diferentes. 

Faça parte do grupo da Gazeta no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

A pesquisa realizada compara o preço de 11 itens em cinco sites de drogarias, farmácias e mercados. Segundo o Procon-SP, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-SP) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) teve uma variação de 0,84% no mesmo período.

A subida dos preços é decorrente ao aumento dos casos de dengue, doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, vetor de transmissão da zika e da chikungunya. 

Dengue

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil registrou desde 1° de janeiro 113 mortes em decorrência da dengue. Quatrocentos e trinta e oito óbitos ainda estão em investigação para a doença. 

Os números registrados no Brasil, em menos de dois meses, contabilizam 653.656 casos prováveis de dengue, cerca de 321,9 casos para cada grupo de 100 mil habitantes.

Com o recebimento das 6,5 milhões de doses em 2024, o Ministério da Saúde garante que irá vacinar todas as crianças de 10 a 14 anos dos municípios que atendem os critérios por eles selecionados, ao longo dos meses.

O ministério indica que, caso de suspeita de dengue, as pessoas devem procurar um médico.

sintomas de dengueDivulgação/Governo de SP

*Assistente de redção, sob supervisão de Bruno Hoffmann

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

BOMBEIROS APONTAM RISCOS

Concessionária mantém show de Roberto Carlos no Pacaembu apesar de laudo dos Bombeiros

Vistoria dos Bombeiros revelou uma série de irregularidades nos sistemas de emergência, prevenção e combate a incêndios do estádio do Pacaembu; show está mantido

ESPECIAL TURISMO

Ilha do Montão do Trigo: Conheça o paraíso do litoral norte

Localizada em São Sebastião, a ilha tem águas cristalinas, muita natureza e uma história de impressionar; saiba mais

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter