últimas notícias
O projeto é uma iniciativa do BNDES com a SITAWI Finanças 
do Bem e a plataforma de financiamento coletivo Benfeitoria
O projeto é uma iniciativa do BNDES com a SITAWI Finanças do Bem e a plataforma de financiamento coletivo Benfeitoria
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasi

BNDES lança programa de apoio a projetos culturais

OPORTUNIDADE. O banco vai destinar até R$ 2 milhões do seu Fundo Cultural para projetos de patrimônio; inscrições podem ser feitas até o dia 15 de agosto

Instituições sem fins lucrativos poderão se inscrever no Matchfunding BNDES Patrimônio Cultural - iniciativa-piloto do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social para financiar projetos culturais que deixem legado a patrimônios culturais materiais e imateriais brasileiros. As inscrições vão até 15 de agosto e podem ser feitas no endereço eletrônico www.benfeitoria.com/bndesmais.

O banco vai destinar até R$ 2 milhões do seu Fundo Cultural para projetos de patrimônio, aplicando R$ 2 para cada R$ 1 captado por projeto junto ao público em geral, até o limite de R$ 200 mil.

De acordo com o BNDES, cada projeto apoiado poderá ter valor entre R$ 30 mil e
R$ 300 mil. Segundo o BNDES, conforme a arrecadação obtida, o total disponível para apoio às iniciativas culturais poderá ultrapassar
R$ 3 milhões.

O programa resulta de parceria do BNDES com a SITAWI Finanças do Bem e a plataforma de financiamento coletivo Benfeitoria.

Critérios de escolha.

Impacto, inovação, tradição, perenidade, perfil da proponente e custo-benefício são alguns critérios que o BNDES levará em consideração na avaliação dos projetos candidatos. Estes devem se enquadrar em uma das quatro categorias de seleção (promoção e inclusão, inovação e tecnologia, educação e inspiração e preservação e memória).

A escolha dos projetos vencedores pelos comitês curadores ocorrerá em quatro fases, entre junho e setembro deste ano. Serão selecionados até 40 projetos de patrimônio cultural de interesse da sociedade
em 2019. (AB)

Tops da Gazeta