últimas notícias

Seu Dinheiro

No total, 50 milhões de pessoas estão inscritas para o recebimento do auxílio emergencial
No total, 50 milhões de pessoas estão inscritas para o recebimento do auxílio emergencial
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Caixa Econômica começa a pagar a segunda parcela do auxílio emergencial

Saques poderão ser realizados a partir do dia 1º de junho

Nesta terça-feira (19), a Caixa Econômica Federal começa a pagar a segunda parcela do auxílio emergencial aos beneficiários do programa Bolsa Família com o Número de Inscrição Social (NIS) final 2 – os que possuem o final 1 receberam ontem. O banco também realiza o pagamento da primeira parcela aos beneficiários recém aprovados no auxílio.

O auxílio emergencial durante a pandemia possui o objetivo de garantir uma renda mensal aos trabalhadores informais e de baixa renda, inscritos do cadastro social do governo e no Bolsa Família.

Os inscritos no Bolsa Família recebem os R$ 600 de acordo com as datas habituais, sem alteração. Os outros inscritos receberão de acordo com a data de nascimento. O auxílio segue a ordem do NIS.

No total, 50 milhões de pessoas estão inscritas para o recebimento do auxílio emergencial.

CALENDÁRIO.

Semana passada, a Caixa Econômica divulgou o novo calendário de pagamento. A partir de quarta-feira (20), aqueles que não estão no Bolsa Família e nasceram nos meses de janeiro e fevereiro começam a receber o auxílio. O pagamento está distribuído em dois meses por dia, menos no domingo (24).

Para sacar a segunda parcela, os beneficiários das contas digitais terão que aguardar até o dia 30 de maio. Os primeiros saques serão realizados por nascidos em janeiro, seguindo a mesma ordem até o dia 13 de junho, para os nascidos em dezembro. Entretanto, no domingo (7) não há saques.

Para a poupança social, o calendário começa no dia 20 maio, para os nascidos em janeiro e fevereiro e segue assim, até o dia 26 de maio. Janeiro e fevereiro, no dia 20 de maio; março e abril, 21 de maio; maio e junho, 22 de maio; julho e agosto, 23 de maio; setembro e outubro, 25 de maio; novembro e dezembro, 26 de maio.

Para os depósitos dos beneficiários do Bolsa Família, os dias são separados pelo último número do NIS: 1, 18 de maio; 2, 19 de maio; 3, 20 de maio; 4, 21 de maio; 5, 22 de maio; 6, 25 de maio; 7, 26 de maio; 8, 27 de maio; 9, 28 de maio e 0, no dia 29 de maio.

Saques e transferência da poupança social, para os nascidos em: janeiro, liberado em 30 de maio; fevereiro, no dia 1 de junho; março, no dia 2 de junho; abril, no dia 3 de junho; maio, no dia 4 de junho; junho, no dia 5 de junho; julho, no dia, 6 de junho; agosto, no dia 8 de junho; setembro, no dia 9 de junho; outubro, no dia 10 de junho; novembro, no dia 12 de junho; dezembro, no dia 13 de junho.

Comentários

Tops da Gazeta