Publicidade

X

Grande São Paulo

Oferta de emprego cresce com vagas temporárias

Aumento da demanda nos comércios da cidade, faz com que os desempregados consigam uma oportunidade de emprego Por Nely Rossany De São Paulo

dothCom Consultoria Digital

Publicado em 05/10/2018 às 22:53

Atualizado em 06/10/2018 às 02:48

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Mesmo que temporárias, muitas vagas surgem nesse período no comércio e na indústria puxado pelas datas comemorativas começando pelo Dia das Crianças, até o Natal e o Ano Novo. Na cidade de Taboão da Serra de acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, o número de ofertas de vagas deve aumentar 50% nos próximos 4 meses.

“Agora para o final do ano aparecem muitas vagas, principalmente temporárias. As empresas oferecem em média por mês 100 vagas através do PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), mas nessa época do ano chegamos a ter até 150 vagas. Além das oportunidades nos comércios como o shopping da cidade, as empresas e indústrias estão contratando e pode ser uma ótima oportunidade para quem está em busca de uma recolocação no mercado de trabalho”, explica a secretária Laura Fávero.

Na última quinta-feira a Gazeta visitou a região do Pirajuçara, uma área que reúne muitos comércios na cidade e constatou que as vagas já estão disponíveis.

“Vamos contratar umas 15 pessoas para conseguirmos dar conta da demanda das festas de final de ano. Já iniciamos o processo de contratação, porém ainda estamos recebendo currículos”, disse a gerente da loja de calçados Macedos, Célia Silva.

Já a gerente Marcela Silva, da loja de roupas Fashion Robys disse a reportagem que a ideia é contratar mais de 20 novos funcionários. “Esse funcionários devem ficar com a gente até o começo de janeiro, são vagas temporárias, de qualquer forma é uma excelente oportunidade”, ressaltou Marcela.

Ainda segundo Fávero, a dica para se conseguir um emprego nessa época é manter sempre o currículo atualizado, buscar aprimorando as habilidades e não desanimar após uma negativa em um processo seletivo. “De uma semana para outra os perfis que as empresas buscam mudam muito. Então se uma semana o candidato não conseguiu uma entrevista não é motivo para ele não continuar tentando na próxima. O importante é não perder a esperança e estar sempre em busca de novas oportunidades”, disse.

País

De acordo com dados da Associação Brasileira do Trabalho Temporário (ASSERTEM), a expectativa é de que juntos, comércio e indústria gerem 434.429 vagas temporárias em todo o país. O número representa um aumento de 10% nas contratações em relação a 2017 e é estimulado especialmente pelos segmentos farmacêutico, alimentício, químico e agroindustrial. São Paulo lidera o ranking com 67,27% das vagas, trazendo o Paraná em segundo, com 7,41% e o Rio de Janeiro em terceiro, com 5,89%.


*Com colaboração de Matheus Herbert

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

EDUCAÇÃO

Confira 5 livros infantis para alfabetização

Livros infantis podem auxiliar no processo de alfabetização dos pequenos através de formas lúdicas, coloridas e interativas

TRANSFOBIA NA ZONA SUL

Homem que disparou e matou mulher trans é procurado em SP

Polícia trabalha com a hipótese de transfobia; o caso foi registrado como homicídio e tentativa de homicídio no 47º Distrito Policial

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter