Publicidade

X
RECUPERAÇÃO

O retorno do Chevrolet Equinox às concessíonárias brasileiras

Missão do Chevrolet Equinox e especialmente da versão Premier é ser uma referência de conforto e requinte para a marca

Publicidade

O Equinox Premier é um veículo familiar, no qual o conforto é privilegiado em detrimento da esportividade / Luiza Kreitlon / AutoMotrix

Depois de ter sumido das concessionárias brasileiras da Chevrolet no início do ano passado por falta de componentes na fábrica do México – especialmente de semicondutores –, o Equinox era para ter voltado ao Brasil em outubro, mas retornou apenas em junho deste ano. Em sua terceira geração, sua função no Brasil não é brigar pela liderança do segmento de utilitários esportivos médios – ocupada há tempos pelo Jeep Compass, seguido pelo Toyota Corolla Cross, pelo Caoa Chery Tiggo 7 Pro e pelo Volkswagen Taos. A proposta é ser uma referência aspiracional em termos de conforto e requinte, função similar à exercida pelo Camaro no aspecto da esportividade. Para recuperar o espaço perdido com a temporada ausente no Brasil, o Equinox apresenta no mercado nacional a atualização visual que estreou na América do Norte em 2020. São discretas evoluções no design, conectividade e conteúdo tecnológico. A nova versão esportiva RS, com tração dianteira, substitui a antiga configuração de entrada LT e é oferecida por R$ 204.990 (R$ 208.550 em São Paulo). Ela divide a oferta da linha com a já conhecida “top” Premier, que vem com tração integral e custa R$ 221.990 (R$ 226.150 em São Paulo). Até 2023, a linha Equinox deve ser ampliada com a versão EV, 100% elétrica, já confirmada para o mercado sul-americano.

O Equinox tem 4,65 metros de comprimento, 2,10 metros de largura, 1,84 metro de altura e 2,72 metros de distância de entre-eixos, com 468 litros de capacidade no porta-malas, que podem chegar a 1.627 litros com os bancos rebatidos. Além dos novos faróis full-led bipartidos pela lâmina superior da grade dianteira, os para-choques e as lanternas – também em leds – foram atualizados para seguir a mais recente linguagem global dos SUVs da Chevrolet. Os múltiplos cromados da versão Premier vêm em preto na RS. As linhas mais fluidas reforçam a sofisticação e o dinamismo do veículo. As duas variantes do Equinox são movidas pelo mesmo motor 1.5 turbo a gasolina com injeção direta apresentado em 2019, associado a uma transmissão automática de 6 marchas com opção de trocas manuais na manopla. São 172 cavalos de potência e 27,8 kgfm de torque.

Leia Também

• Hyundai apresenta a linha 2023 do HB20

Por dentro, o Equinox Premier tem bancos, apoios de braços e parte do console e do tablier revestidos em couro. A central multimídia MyLink com GPS integrado oferece atualizações remotas de sistemas eletrônicos – o myChevrolet App de nova geração –, projeção sem fio para Android Auto e Apple CarPlay, Wi-Fi nativo, Spotify e Alexa, além do OnStar, sistema de telemática avançado com assistência personalizada vinte e quatro horas e sete dias por semana para serviços de emergência, segurança e concierge. Ambas oferecem itens interessantes de comodidade e de segurança como o alerta de colisão frontal com detecção de pedestre e frenagem autônoma de emergência, alerta de ponto cego com sensor de aproximação repentina, de movimentação traseira, vibratório de segurança no banco do motorista e de esquecimento de pessoas ou objetos no banco traseiro.

Para fazer frente às versões mais equipadas dos SUVs médios concorrentes, a Premier adiciona, em relação à RS, rodas aro 19 com acabamento diamantado em dois tons, teto solar panorâmico elétrico, frisos cromados, faróis tipo projetor em leds, auxiliares de neblina, abertura e fechamento elétrico da tampa do porta-malas com acionamento interno, pela chave ou por sensor de movimento e partida por controle remoto. No habitáculo, a Premier aposta em um conjunto refinado que inclui sistema de áudio da marca Bose com sete alto-falantes, bancos elétricos com duas memórias, apliques decorativos no painel e nas portas dianteiras, partida do motor por controle remoto para pré-climatizar a cabine, carregador sem fio para smartphones e assistente semiautônomo de estacionamento. Na versão “top” do SUV, a Chevrolet oferece um ano gratuitamente de Wi-Fi veicular (limitado a 20 GB mensais) e do plano mais abrangente do OnStar. O cliente recebe ainda o tag “Sem Parar” com 12 mensalidades, um meio de pagamento automático que facilita a vida do usuário na hora de passar em pedágios, estacionamentos, drive thru e postos de combustíveis.

O utilitário esportivo médio da Chevrolet tem suspensão independente nas rodas traseiras, estruturas de subchassi e tecnologias avançadas de controle de estabilidade e de tração. A tração integral pode variar o envio de torque para cada uma das rodas para maior aderência do veículo, graças a uma central de comando capaz de fazer até mil leituras por segundo. É possível desabilitar o modo AWD mesmo com o carro em movimento e trafegar apenas com tração nas rodas dianteiras. Caso o sistema identifique necessidade, aparece uma mensagem no painel aconselhando o condutor a reativar a tração integral. O conjunto de tecnologias é capaz de identificar se o carro está rebocando algo, como trailer ou barco, e atuar para compensar oscilações e elevar a estabilidade da composição.

As linhas mais fluidas reforçam a sofisticação e o dinamismo do veículo
As linhas mais fluidas reforçam a sofisticação e o dinamismo do veículo (Luiza Kreitlon/AutoMotrix)

Experiência a Bordo
Conforto em foco

No Equinox 2022, cinco ocupantes viajam com bastante conforto. No banco traseiro, o piso plano facilita a acomodação do passageiro central. O espaço para as pernas no banco de trás acomoda adultos sem apertos. Ainda atrás, há bancos reclináveis, saídas de ar e duas portas USB.  A alavanca de câmbio é nova, mas o volante segue sem aletas para trocas das marchas. A posição de condução agrada e a coluna de direção oferece regulagens de altura e profundidade. As abas laterais dos assentos da frente ajudam a segurar o corpo nos trechos sinuosos. No banco do motorista, os ajustes são elétricos.

A central multimídia MyLink no Equinox tem uma tela de apenas 8 polegadas – já existem visores de até 12 polegadas em modelos concorrentes. No entanto, ela oferece bons recursos de conectividade. Android Auto e Apple CarPlay, por exemplo, se conectam com o sistema sem a necessidade de cabo. A Alexa (tecnologia que utiliza inteligência artificial) está presente para atender aos comandos de voz. Isso sem falar do Wi-Fi nativo, que permite a conexão simultânea de até sete smartphones, e a possibilidade de baixar o Spotify direto na central. O serviço de concierge OnStar e o App Chevrolet são outros recursos disponibilizados no modelo.

As duas variantes do Equinox são movidas por motor 1.5 turbo a gasolina com injeção direta, associado a uma transmissão automática de 6 marchas com opção de trocas manuais na manopla. São 172 cavalos de potência e 27,8 kgfm de torque
As duas variantes do Equinox são movidas por motor 1.5 turbo a gasolina com injeção direta, associado a uma transmissão automática de 6 marchas com opção de trocas manuais na manopla. São 172 cavalos de potência e 27,8 kgfm de torque (Luiza Kreitlon/AutoMotrix)

Impressões ao Dirigir
SUV de passeio

O Equinox Premier é um veículo familiar, no qual o conforto é privilegiado em detrimento da esportividade. O motor 1.5 turbo a gasolina, de 172 cavalos e 27,8 kgfm de torque, entrega fôlego coerente com a proposta, porém, mais do que suficiente para ultrapassagens seguras e acelerações convincentes, feitas de forma quase sempre silenciosa. O rodar do SUV da Chevrolet é bastante consistente e a suspensão oferece equilíbrio nas curvas, ajudado pelos pneus de perfil baixo (235/50R 19). No caso da versão Premier, a tração é integral sob demanda, o que também ajuda na estabilidade – a força do motor é distribuída para as rodas de acordo com a necessidade de cada uma. A direção com assistência elétrica é eficiente e facilita bastante as manobras. A suspensão absorve bem as imperfeições do piso e entrega muito equilíbrio. A carroceria rola pouco mesmo em curvas rápidas.

Embora tenha tração integral na versão Premier – acionável por um botão no console –, o Equinox não é um utilitário esportivo recomendável para quem gosta de encarar trilhas. Com ângulo de ataque e de saída pequenos (15 e 23 graus, respectivamente) e com a altura livre em relação ao solo de somente 17,5 centímetros (o Jeep Compass, por exemplo, tem 20,7 centímetros), é necessária certa prudência até mesmo para transpor alguns obstáculos urbanos mal dimensionados. Afinal, para quem circula com um SUV desse porte, raspar a parte inferior do veículo em uma lombada ou em uma valeta é uma surpresa dispensável.

Com o preço da gasolina nas alturas, um utilitário esportivo médio que não é híbrido nem bicombustível, como o Equinox, acaba deixando a desejar em relação à concorrência. A sensação é ressaltada porque, segundo os dados do Inmetro, a versão Premier faz 9 km/l na cidade e 10,8 km/l na estrada – um consumo pouco auspicioso para um motor moderno a gasolina. E o fato de a transmissão automática ter como opção de trocas manuais somente um botão na manopla não é nada prático. Embora o câmbio funcione de maneira precisa, uma opção de trocas por meio de aletas atrás do volante ou mesmo deslocando a alavanca – para a direita e esquerda ou para frente e para trás – seriam uma forma mais intuitiva de o motorista comandar as mudanças.

Por dentro, o Equinox Premier tem bancos, apoios de braços e parte do console e do tablier revestidos em couro
Por dentro, o Equinox Premier tem bancos, apoios de braços e parte do console e do tablier revestidos em couro

Ficha técnica
Chevrolet Equinox Premier 2022

Motor: 1,5 litro, quatro cilindros, turbo, gasolina, 16 válvulas, injeção direta
Potência: 172 cavalos a 5.600 rpm
Torque: 27,8 kgfm de 2.500 a 4.500 rpm
Transmissão: automática, 6 marchas, tração integral
Suspensão: MacPherson na dianteira, multilink na traseira
Freios: discos ventilados na dianteira e sólidos na traseira
Pneus: 235/50 R19
Dimensões: 4,65 metros de comprimento, 1,84 metro de largura, 1,69 metro de altura e 2,73 metros de entre-eixos
Tanque: 59 litros
Preço: R$ 221.990 (R$ 226.150 em São Paulo)

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Monkeypox

Varíola dos macacos: Anvisa analisa pedidos para diagnóstico da doença

Segundo a agência, os dois primeiros produtos foram Viasure Monkeypox Virus Real Time PCR Detection Kit, fabricado na Espanha pela empresa CerTest Biotec

Carta pró-democracia

Em dia de manifesto, Bolsonaro se reúne com candidatos do PP e recebe apoio

O senador e candidato a governador do RS, Luiz Carlos Heinze, afirmou que reunião teve objetivo de demonstrar apoio ao presidente

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software