X

PRÉ-LANÇAMENTO

Porsche apresenta versão revisada do elétrico Taycan

Apresentado em 2019, o sedã esportivo elétrico Porsche Taycan tem suas primeiras alterações

Daniel Dias - AutoMotrix

Publicado em 16/02/2024 às 10:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Na versão mais insinuante, o 100% elétrico Taycan chega a ter 952 cavalos de potência / Divulgação

O Taycan foi apresentado em 2019, na última edição do Salão de Frankfurt – outrora, o maior evento mundial da indústria automotiva -, um ano antes de a pandemia da Covid-19 assolar o planeta. Portanto, o sedã esportivo da Porsche, que já nasceu 100% elétrico, é ainda muito recente, mas já passa por alterações nas três opções de carroceria, a do Taycan propriamente dito, a Cross Turismo (disponível com pacote off-road) e a Sport Turismo, para mercados específicos. Em cada uma delas, estão disponíveis tração traseira ou integral. O Taycan revisado está previsto para chegar ao mercado brasileiro no próximo ano. Com quase 150 mil unidades já produzidas, o esportivo elétrico tem como principais mercados os Estados Unidos, o Reino Unido, a Alemanha e a China.

Com 4,96 metros de comprimento, 1,96 metro de largura, 1,39 metro de altura e 2,90 metros de distância de entre-eixos, o Taycan é um carro longo, baixo e largo. Com a nova função push-to-pass no pacote Sport Chrono, um impulso de até 70 kW (95 cavalos), dependendo da versão, pode ser acionado por dez segundos com o toque de um botão. No Taycan, entrega 60 kW (82 cavalos) a mais do que no anterior. Na Sport Turismo, são 140 kW (190 cavalos) adicionais, chegando ao total de 700 kW (952 cavalos) com o auxílio do Launch Control. No primeiro, a aceleração de zero a 100 km/h é feita em 4,8 segundos, enquanto no segundo é em 2,4 segundos. A Porsche não revelou qual é a aceleração na Cross Turismo.

Leia Também

• Nascido nas pistas, Porsche 718 Cayman GT4 RS chega ao Brasil

• Conheça os novos Porsche Macan 4 e Macan Turbo

Em testes feitos recentemente na Califórnia, o novo Taycan chegou a rodar 587 quilômetros com uma carga completa da bateria, pelo ciclo WLTP. Pelo Inmetro, os dados de autonomia serão disponibilizados quando o elétrico desembarcar no Brasil. O Taycan atualizado não apenas exige menos paradas de recarga em viagens longas em relação ao seu antecessor como também recarrega mais rápido. Em estações de carga de DC de 800 volts, pode ser reabastecido em até 320 kW – 50 kW a mais do que antes. A janela de carga rápida da nova bateria de desempenho foi expandida, com capacidades de carga superiores a 300 kW podendo ser mantidas por até cinco minutos, mesmo em baixas temperaturas. Considerando algumas variáveis, isso pode reduzir pela metade o tempo para carregar de 10% a 80% da bateria em relação ao carro anterior. Na primeira fase do Taycan, o tempo de carga de 10% a 80% a 15ºC era de 37 minutos. Sob as mesmas condições, o Taycan atualizado leva apenas 18 minutos, apesar de sua capacidade de bateria ser maior. A Performance Battery Plus tem uma capacidade bruta de 105 kWh, ante 93 kWh da versão anterior.

As três configurações do novo Taycan têm suspensão a ar adaptativa de série, deixando a Porsche Active Ride como opcional para as versões com tração integral, oferecendo uma amplitude entre conforto e dinâmica de direção. A suspensão a ar mantém a carroceria do Taycan nivelada o tempo todo, mesmo durante frenagens intensas, manobras de direção e acelerações. Com uma condução suave, o sistema absorve as irregularidades do solo quase que por completo. Já a Porsche Active Ride, em situações de condução dinâmica, garante uma conexão ideal com a estrada graças à distribuição equilibrada das cargas nas rodas. Se o modo apropriado estiver ativado, a suspensão pode compensar movimentos de inclinação para reduzir as forças de aceleração nos ocupantes.

De acordo com a Porsche, a melhoria simultânea de desempenho e eficiência do novo Taycan se deve a vários fatores, destacando um trem de força avançado com um novo motor de eixo traseiro com até 80 kW a mais de potência em todas as variantes, um inversor de pulso modificado com software otimizado, baterias mais potentes, gerenciamento térmico revisado, bomba de calor de última geração e uma estratégia de recuperação e tração integral modificada. A capacidade máxima de recuperação durante a desaceleração em altas velocidades aumentou em mais de 30%, de 290 kW para até 400 kW. As três configurações têm de série rodas de 21 polegadas aerodinamicamente revisadas e pneus de baixa resistência ao rolamento. Apesar de contar com uma maior oferta de equipamentos de série, o elétrico revisado pesa 15 quilos a menos.

Com novo estilo frontal e traseiro (faróis e lanternas são inéditos), os designers da Porsche aprimoraram o design limpo e purista do Taycan. As novas asas dianteiras e os faróis mais planos dão mais ênfase à largura do sedã elétrico esportivo. Os novos faróis têm tecnologia de matriz HD de alta resolução, exibindo os gráficos característicos de quatro pontos da marca à noite. O logotipo da Porsche na faixa de luz traseira apresenta um design tridimensional, com aparência de vidro. Uma versão iluminada desse elemento está disponível pela primeira vez, com animações de boas-vindas e de despedida. Dentro, o cluster de instrumentos, o display central e o opcional para o passageiro da frente têm uma interface com funções adicionais, enquanto o Apple CarPlay está mais integrado aos displays e às funções do veículo. O seletor dos modos de condução, localizado no volante, vem agora como item de série. Para os Taycan equipados com o pacote Sport Chrono e a Performance Battery Plus, há uma tecla especial para acionar a função push-to-pass, no centro do seletor. Uma nova alavanca de controle à esquerda, atrás do volante, dá acesso aos sistemas de assistência ao motorista.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Não perca essa oportunidade

Cidade no interior de SP encerra inscrições de novo concurso nesta sexta

Prefeitura Municipal de Jahu têm processo seletivo têm salários que chegam a R$ 6.008,73

DROGAS NO LITORAL

Depósito com uma tonelada de cocaína é encontrado no Guarujá

Cães farejadores encontraram as drogas em meio a sucatas

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter