Publicidade

X
PREPARE O BOLSO

Com seca no Brasil, Argentina e Paraguai, indústria não terá soja no segundo semestre

Pode faltar grão para a indústria a partir do meio do ano

Publicidade

Há risco evidente de aumento no preço dos óleos vegetais e das rações para aves, suínos, bois, cachorros e gatos / Wenderson Araujo/Trilux Economia

Para produzir um quilo de soja são necessários 1.800 litros de água, segundo a Water Footprint, entidade holandesa especializada em gestão da água. E o Brasil é o maior produtor e maior exportador mundial de soja, com colheita estimada em 145 milhões de toneladas para a safra 2021/2022. Pois bem, toda essa água que o País vem exportando na forma de grãos, ano após ano, começa a faltar por aqui. Esse fenômeno ficou evidente nos últimos meses nos estados do Sul e do Centro-Oeste e provocará a maior quebra da história da soja no Brasil.

Resultado: pode faltar grão para a indústria a partir do meio do ano.

E isso vai impactar seu bolso, com risco evidente de aumento no preço dos óleos vegetais e das rações para aves, suínos, bois, cachorros e gatos.

A seca provocará perdas estimadas em 14 milhões de toneladas. E as previsões iniciais eram otimistas porque houve aumento de 7% na área semeada, segundo a consultoria Pátria AgroNegócios.

Como a estiagem atingiu toda bacia do Rio Paraná, ela também prejudicou o Paraguai, quarto maior exportador de soja do mundo. A expectativa é que o vizinho fique desabastecido em três meses. Na Argentina, o estado das lavouras é ainda pior. Com a quebra na América do Sul, os preços da soja e de seus derivados seguem subindo...

 

'Mito evitou terceira...

Além do sangue derramado, a guerra Rússia/Ucrânia afetará o preço do petróleo e, consequentemente, de produtos atrelados direta ou indiretamente ao combustível, como etanol, embalagens e até açúcar. Mais: o fornecimento mundial de trigo estará em xeque e o Brasil produz só 50% do que consome...

 

...guerra mundial'...

E Bolsonaro foi à Rússia neste mês, antes e acima de tudo, para tratar de interesses privados, na condição de lobista dos fazendeiros. Como antecipou esta coluna em 2 de janeiro, a falta de fertilizantes é um risco real neste ano porque o Brasil importa quase todo adubo que utiliza. E a Rússia vendeu para o Brasil R$ 30 bilhões em fertilizantes em 2021, o que representou 60% de tudo que importamos.

 

...SQN, foi é fazer...

Mais: a Rússia comprou apenas 0,6% das exportações do agro brasileiro em 2021, com R$ 9 bilhões em soja, café, açúcar e carnes, mesmo tendo 140 milhões de habitantes e a décima primeira maior economia do mundo...

 

...lobby para fazendeiro!

Simultaneamente à visita à Rússia, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, esteve em missão oficial na Petroquímica de Shiraz, no Irã, grande produtora de matéria-prima para fertilizantes...

 

SP e Santos...

Segue até 13 de março a Mostra de Cinema da USP, que exibe 12 filmes sobre várias cidades do mundo. A verticalização de SP é discutida em E, dirigido por Alexandre Wahrhaftig, Helena Ungaretti e Miguel Antunes Ramos.

 

...na ótica dos cineastas

O Porto de Santos, de Aloysio Raulino, também integra a mostra. Filmada em 1978, a produção traz "a dinâmica própria de Santos", com destaque para trabalhadores, habitantes das margens e a boemia, "expondo o que há de duradouro e efêmero, típico de uma cidade portuária".

 

Filosofia do campo:

"Segue teu destino, rega tuas plantas e ama tuas rosas. O resto é a sombra de árvores alheias", Fernando Pessoa (1888/1935), poeta português.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Nicolas Vlavianos, que criou esculturas no Arouche e na Sé, morre aos 93 anos

Segundo sua filha, Myrine Vlavianos, o artista passou os últimos seis meses entre idas e vindas do hospital

Saúde

Anvisa determina recolhimento do remédio 'Losartana', usado para tratar hipertensão

Produtos devem ser retirados das farmácias em até 120 dias

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software