últimas notícias
Em destaque
Por Pedro Nastri - Colaborador
[email protected]
Pedro Nastri é colunista da Gazeta e âncora na Rádio Trianon 740 AM
Pedro Nastri é colunista da Gazeta e âncora na Rádio Trianon 740 AM

Despoluição do Rio Pinheiros

O jornalista e radialista Pedro Nastri comenta sobre as últimas notícias de São Paulo

Butantan exportará vacinas. O Instituto Butantan avalia exportar um lote de 54 milhões de doses da CoronaVac caso o Ministério da Saúde não sinalize, até a próxima semana, o desejo de compra dos imunizantes. A afirmação é do presidente do instituto, Dimas Covas. Segundo Covas, a equipe do ministro Eduardo Pazuello ainda não fez contato para tratar do tema. "É importante frisar mais uma vez que nosso contrato com Ministério da Saúde é de 46 milhões de doses. Nós não temos contrato adicional. Estamos aguardando uma manifestação do Ministério da Saúde em relação a um aumento do contrato para 54 milhões de doses adicionais, mas ainda não tivemos nenhum aceno nesse sentido", afirmou.

Retomada das aulas presenciais. A Secretaria Municipal de Educação (SME) de São Paulo irá reunir um grupo de especialistas de várias áreas para formar um grupo de conselheiros que irá acompanhar a retomada das aulas presenciais na Capital, em 15 de fevereiro, com 35% dos estudantes. A adesão às atividades presenciais é facultativa aos estudantes, sendo que aqueles que as famílias optarem pelo ensino remoto deverão realizar as atividades de caráter obrigatório por meio da plataforma Google Classroom ou de outros meios de disponibilização das atividades, inclusive material impresso a ser retirado pelos responsáveis, conforme organização da escola.

Despoluição do Rio Pinheiros. O governador João Doria (PSDB) anunciou no dia 27 a assinatura de mais um contrato para revitalizar as margens do Pinheiros e aproximar a população deste rio, que é símbolo da cidade de São Paulo. O Consórcio Parque Novo Rio Pinheiros investirá, nos próximos cinco anos, cerca de R$ 30 milhões na implantação e manutenção de pista de caminhada, ciclovia, cafés e banheiros, além de construir acessos para a entrada do público ao local. Os atrativos serão gratuitos e as obras devem ser iniciadas em fevereiro, com previsão de término até fevereiro do próximo ano. "O Parque Novo Rio Pinheiro é um passo na maior obra socioambiental que é a despoluição do Rio Pinheiros", afirma o governador.

Merendas nas escolas. As escolas da rede estadual de São Paulo serão abertas para oferecer as merendas aos alunos mais vulneráveis. A medida, que foi anunciada pelo governador João Doria, começa a valer partir do dia 1º de fevereiro. "O objetivo é garantir a segurança alimentar para os alunos mais vulneráveis. Os alunos poderão se dirigir às escolas para se alimentar diariamente", disse Doria. "Temos trabalhado com planejamento para o retorno das aulas presenciais da rede estadual", afirmou Rossieli Soares, secretário de Educação do Estado.

Comentários

Tops da Gazeta