X

CORINTHIANS PARA 2023

Com saídas de Robert e Raul, Corinthians fica com apenas três zagueiros no elenco

Dos defensores de 2022, somente Balbuena, Bruno Méndez e Gil continuam no clube; as apostas são em Caetano e Murillo, dois zagueiros jovens

ARTHUR SANDES - Folhapress

Publicado em 28/12/2022 às 11:59

Atualizado em 28/12/2022 às 13:18

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Robert Renan está de malas prontas para ir ao Zenit (RUS) / Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O Corinthians pode virar o ano com apenas três zagueiros no elenco. Dois zagueiros do Timão estão de saída: Robert Renan está de malas prontas para ir ao Zenit (RUS) e Raul Gustavo deve ser emprestado ao Bahia.

Dos defensores de 2022, somente Balbuena, Bruno Méndez e Gil continuam no clube. Do trio que permanece, nenhum é canhoto. Balbuena e Gil podem atuar pelo lado esquerdo da zaga, mas ambos são destros, assim como Bruno Méndez.

As apostas são em Caetano e Murillo, dois zagueiros jovens, mas com histórico bem diferente. Caetano tem 23 anos, já foi emprestado cinco vezes e deve receber a primeira chance no Paulistão. Já Murillo tem 20 anos, é muito elogiado no Corinthians e está inscrito para jogar a Copinha. Ambos são canhotos.

Balbuena está no Corinthians por empréstimo, até julho de 2023. sendo o único do elenco que não tem contrato definitivo. O paraguaio de 31 anos pertence ao Dínamo de Moscou (RUS).

Robert e Raul estão de saída por negociações. O primeiro foi envolvido com Du Queiroz na troca com o Zenit para comprar Yuri Alberto; o segundo tem empréstimo encaminhado para defender o Bahia em 2023. Ambos são canhotos.
Os zagueiros Bruno Melo - esse também atua como lateral - e Robson Bambu deixam o Corinthians e voltam a seus respectivos clubes, Fortaleza e Nice (FRA), pois os empréstimos de ambos terminam ao final do ano. Eles foram pouco utilizados por Vítor Pereira em 2022.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

campanha solidária

Estoques de sangue em SP batem 40% e governo incentiva doação

O processo de doação leva menos de uma hora e pode salvar até quatro vidas

ATUAÇÃO DO CRIME ORGANIZADO

Entenda como hotéis e pensões no centro de SP eram usados para lavar dinheiro

Policiais encontraram 28 hospedagens que eram usadas para lavagem de dinheiro do tráfico de drogas na região central da Capital

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter