X

INVESTIGAÇÃO

Mulher é acusada por vizinho de ir ao Guarujá para matar gatos de prédio

Apontada como suposta autora de envenenamento de gatos mora em São Paulo, mas tem um apartamento na Enseada

Da Reportagem

Publicado em 04/05/2022 às 18:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Gatos foram vítima de envenenamento em Guarujá / LG Rodrigues / Diário do Litoral

Um morador de um prédio residencial localizado em Guarujá acusa uma vizinha de matar os gatos que visitam o imóvel e registrou um boletim de ocorrência contra a mulher na última semana de abril. O caso é investigado pela Polícia Civil do Município.

O autor da denúncia afirma que a moradora responsável por matar os felinos não vive no edifício, localizado na Enseada, mas é, na verdade, paulistana, porém vem frequentemente ao litoral durante os fins de semana, onde possui apartamento no mesmo prédio que o denunciante.

Ele explica que a suspeita já afirmou que não gosta de cães, gatos e outros animais e alguns felinos passaram a frequentar o prédio porque ele passou a alimentar os bichos e levou para castrar. Com a adoção não oficial dos mascotes, o prédio, segundo ele, parou de ser invadido por saruês e outras pragas urbanas.

As mortes dos animais foram efetuadas por envenenamento. O homem explica que bolinhos de carne eram servidos junto de chumbinho aos gatos, que já estavam acostumados a serem alimentados nas imediações do prédio.

Ao todo, três felinos morreram no mesmo dia, na última sexta-feira (29) de abril e um quarto bicho já havia sido morto dois meses antes disso e caiu na piscina do condomínio após ter passado mal devido à ingestão de veneno.

O caso foi registrado pela Polícia Civil guarujaense como 'ato de abuso a animais' e a denunciada ainda não prestou depoimento às autoridades.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nasceu em julho ou agosto?

Caixa libera abono do PIS/PASEP para trabalhadores nascidos em julho e agosto

Governo deve liberar R$ 4,5 bilhões para os benefícios, sendo R$ 3,9 bilhões para o PIS e R$ 613 milhões para o PASEP

Delação Premiada

Caso Marielle: STF julga esta terça denúncia dos mandantes envolvidos no crime

Ministros vão decidir se os suspeitos se tornarão réus por homicídio e organização criminosa; acusados estão presos desde março

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter