Publicidade

X

DENTRO DE DP

Policial suspeito de estupro é afastado

Matheus Herbert

Publicado em 25/09/2019 às 01:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

O policial acusado por diversas mulheres de cometer assédio, abuso sexual e até um estupro dentro de uma delegacia em Guarujá, continua na unidade, mas realizando serviços que não tenham contato com o público, segundo a Polícia Civil.

Conforme apurado pelo "G1" nesta terça-feira, os fatos estão sob investigação e os resultados podem acarretar no afastamento das funções do autor, inclusive a sua efetiva demissão. O policial já não tem mais acesso ao sistema, como por exemplo aos boletins de ocorrência, onde poderia encontrar celular e endereço das vítimas.

De acordo com a Corregedoria da Polícia Civil, já há indícios suficientes que comprovem parte dos crimes pelo qual o agente é acusado. O celular dele foi apreendido e segue sob o domínio da
investigação.

Os crimes acontecem durante o registro do boletim de ocorrência.
(GSP)

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

FORÇA DA NATUREZA

Veja 6 vídeos de desastres provocados pelo ciclone que atinge o Brasil há 7 dias

Com ventos de mais de 100 km por hora, o fenômeno destruiu estabelecimentos, derrubou outdoors e fez o mar recuar em São Vicente, litoral paulista

Brasil

Mesmo após corte, gasolina segue mais cara no Brasil do que no exterior

Em maio, os preços da gasolina e do diesel atingiram recordes históricos nos postos brasileiros, movimento que culminou com a demissão de dois presidentes da Petrobras em pouco mais de um mês

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software