últimas notícias
Casas foram demolidas na tarde desta quarta-feira (5) em Taboão da Serra
Casas foram demolidas na tarde desta quarta-feira (5) em Taboão da Serra
Foto: Divulgação

Após deslizamento, casas são demolidas em Taboão da Serra

De acordo com a Prefeitura, seis residências foram demolidas por uma empresa particular

As casas que desabaram em Taboão da Serra após as fortes chuvas de terça-feira (4) começaram a ser demolidas na tarde de ontem (5). De acordo com a prefeitura, seis residências seriam demolidas por uma empresa particular. Veja o vídeo abaixo.

As causas do desmoronamento ainda precisam ser apuradas. Técnicos da Defesa Civil fizeram vistorias na terça e nesta quarta, e disseram que a estrutura tem danos, mas não corre novos riscos.

Ao todo, seis casas foram atingidas pelo deslizamento e dois condomínios ao lado também estão interditados. Um deles é um prédio com 70 apartamentos, e o outro condomínio tem duas torres pequenas, cada uma com quatro apartamentos.

DESLIZAMENTO

Por volta das 6h30 da última terça-feira, um deslizamento na rua das Camélias, no Parque Assunção, em Taboão da Serra, interditou quatro casas e um prédio, construído na rua debaixo, que dá acesso a uma escola particular. De acordo com a prefeitura, 67 famílias que moravam no prédio foram removidas.

Ainda de acordo com a prefeitura, as famílias só poderão voltar às suas residências após um laudo da Defesa Civil.

CAIEIRAS

Em Caieiras, oito famílias de um prédio que também foi atingido por um deslizamento continuam sem voltar para suas casas. As informações são do "G1".

O prédio de quatro andares e 16 apartamentos foi esvaziado depois do deslizamento em um terreno da prefeitura. A lama chegou a entrar em duas unidades.

Os moradores devem voltar para suas casas depois do período das chuvas e do fim das obras de contenção do barranco, que seguem sem prazo. Enquanto isso, a prefeitura da cidade ofereceu R$ 500 de auxílio-moradia. A Defesa Civil vai analisar se houve algum dano na estrutura do prédio e monitorar o terreno.

Comentários

Tops da Gazeta