últimas notícias

Grande São Paulo

Carina Ramos e Anaflávia Gonçalves são denunciadas por suspeita de participação no crime no ABC
Carina Ramos e Anaflávia Gonçalves são denunciadas por suspeita de participação no crime no ABC
Foto: Reprodução Facebook

Cinco são denunciados pelo MP por morte de família no ABC

Os cinco suspeitos participaram da reconstituição do crime no último dia 12 de março; casal de empresários e filho de 15 anos foram encontrados em um carro em chamas em São Bernardo do Campo no dia 28 de janeiro

Na tarde de segunda-feira, a promotora de Justiça de São Bernardo do Campo, Thelma Cavarzere, denunciou cinco pessoas pelo assassinato do casal Flaviana Meneses Gonçalves e Romuyuiki Veras Gonçalves e de Juan Victor, filho deles. O crime foi cometido em 28 de janeiro deste ano.


Segundo a promotora, a filha do casal morto, Anaflávia Martins Meneses Gonçalves, e a companheira dela, Carina Ramos de Abreu, estão entre os cinco denunciados. Thelma também ofereceu denúncia contra Juliano Oliveira Ramos Junior e Jonathan Fagundes Ramos, que são primos e Carina. O último a ser denunciado foi Guilherme Ramos da Silva.


Se a Justiça aceitar a denúncia, os cinco acusados poderão responder pelos crimes de homicídios triplamente qualificados; motivo torpe, meio cruel e recurso que impediu a defesa das vítimas; roubo e destruição de cadáver.

CRIME.


O assassinato de Romuyuki e Flaviana Gonçalves e do filho deles, Juan Victor, de 15, foi descoberto no dia 28 de janeiro, quando seus corpos foram encontrados em um carro em chamas na estrada do Montanhão, em São Bernardo do Campo.


Ana Flávia, filha do casal, e Carina, namorada dela, foram presas um dia depois. Segundo a polícia, as suspeitas entraram em contradição em seus depoimentos ao alegarem que a família tinha dívidas com um agiota. Depois, elas disseram que a casa da família havia sido roubo. Por fim, as duas admitiram que planejaram o roubo, mas dizem que não ordenaram a morte da família.


De acordo com os outros suspeitos de terem participado do crime, Ana Flávia e Carina ordenaram os assassinatos. Um deles disse que a ordem partiu de Carina depois que ninguém encontrou os R$ 85 mil que eles acreditavam que estariam escondidos em um cofre na casa.

Comentários

Tops da Gazeta