últimas notícias
Presidente da Câmara de Taboão da Serra, Marcos Paulo (PSDB), na quinta-feira, dia 30, durante uma coletiva de imprensa
Presidente da Câmara de Taboão da Serra, Marcos Paulo (PSDB), na quinta-feira, dia 30, durante uma coletiva de imprensa
Foto: LEANDRO BARREIRA/CMTS

Com 30% da capacidade, Câmara de Taboão da Serra volta do recesso com sessões presenciais

Para a retomada, uma série de medidas sanitárias foram implantadas como a redução da capacidade máxima, uso obrigatório de máscara e aferição de temperatura

Após quatro meses, as sessões da Câmara de Vereadores de Taboão da Serra serão retomadas presencialmente a partir da próxima terça-feira, dia 4. Os debates dos projetos eram realizados de forma online por conta da pandemia do novo coronavírus. Para a retomada, uma série de medidas sanitárias foram implantadas como a redução da capacidade máxima para 30% e uso obrigatório de máscara.

O anúncio foi feito pelo presidente da Casa, Marcos Paulo (PSDB), na quinta-feira, dia 30, durante uma coletiva de imprensa. As homenagens também serão retomadas, entre elas a entrega da Medalha Laurita Ortega Mari, que tradicionalmente acontece em março, em comemoração ao dia Internacional da Mulher.

Leia mais:

No início de julho as atividades presenciais no Prédio Legislativo de Taboão da Serra foram retomadas, seguindo as orientações estabelecidas pelo Governo Estadual no Plano São Paulo, quando o município foi classificado para a Zona Amarela da flexibilização da quarentena.

“A Câmara volta com suas sessões plenárias presentes, os vereadores em suas mesas, um pouco mais distante. Com a retomada dos trabalhos, o comércio e as igrejas reabrindo, não tem porque a Câmara não produzir. Estamos reabrindo a Casa também para eventos respeitando o distanciamento social. Nós entendemos que a Câmara reabrindo para votarmos projetos, ela também tem condições de prestar suas homenagens, que faz parte do trabalho legislativo”, comunicou o presidente.

Marcos Paulo destaca que todas as medidas de restrições e cuidados foram implantados nas dependências da sede do poder legislativo municipal para evitar a propagação da covid-19, entre elas, aferição de temperatura antes de ter acesso ao prédio da Câmara, displays de álcool em gel em todos os gabinetes e departamentos, distanciamento social, e o plenário irá receber apenas 50% do público, ou seja, 50 pessoas durante a sessão. Todos os presentes terão de usar máscaras. As transmissões ao vivo continuam.

“Quando as pessoas chegam, a primeira coisa é aferida a temperatura do lado de fora. O plenário foi todo adaptado, respeitando o distanciamento, os banheiros, os departamentos, todos estão adaptados. Todos os gabinetes e departamentos estão com álcool em gel na porta, elevadores, escadas tudo muito higienizado e respeitando as regras de distanciamento social”, reforçou Marcos Paulo.

 

Comentários

Tops da Gazeta