últimas notícias
O monitoramento em Taboão da Serra, na Grande SP, opera todos os dias, de forma ininterrupta
O monitoramento em Taboão da Serra, na Grande SP, opera todos os dias, de forma ininterrupta
Foto: Ricardo Vaz/PMTS

Em um mês, monitoramento identificou carro usado em sequestro e descartes de entulho em Taboão da Serra

Monitoramento também auxiliou para que quatro veículos roubados fossem recuperados

A nova central de monitoramento da cidade de Taboão da Serra, chamada de Centro de Operações e Inteligência (COI), completou um mês de operações no município. As câmeras de videomonitoramento identificaram diversos veículos utilizados em roubos, sequestros e descarte irregular de entulhos. O monitoramento opera todos os dias, de forma ininterrupta.

Segundo o balanço oficial da prefeitura, desde o dia 29 de junho, quando começou a operar o COI auxiliou para que quatro veículos roubados fossem recuperados, identificou um automóvel usado em sequestro, além de carros e motocicletas utilizadas em assaltos na cidade.

Leia mais:

Ainda de acordo com o balanço municipal, dois casos de despejo irregular de entulhos também foram flagrados. Os despejos ilegais aconteceram no Jardim Maria Helena e no Jardim São Judas.

O serviço de videomonitoramento funciona por meio de 40 câmeras de alta resolução que foram instaladas em locais estratégicos. Para facilitar a identificação de criminosos, o COI é integrado com o sistema de boletins de ocorrência da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo.

“Um carro envolvido em atropelamento com vítima fatal em outra cidade entrou em Taboão e foi flagrado pelas câmeras. Sem dúvida, ter um sistema de videomonitoramento tão eficaz é um grande diferencial para auxiliar a GCM e diminuir os índices de criminalidade”, diz o secretário de Segurança e Defesa Social de Taboão, Walter Paulo.

Comentários

Tops da Gazeta