últimas notícias
Rede municipal de ensino em Taboão da Serra conta com cerca de 30 mil alunos
Rede municipal de ensino em Taboão da Serra conta com cerca de 30 mil alunos
Foto: THIAGO NEME/GAZETA DE S. PAULO

Escolas municipais de Taboão da Serra retomam aulas presenciais dia 27

O retorno será feito, inicialmente de forma gradual e escalonada, com 30% dos alunos, com aulas uma vez por semana

Os alunos da rede municipal de ensino de Taboão da Serra retornarão para as aulas presenciais no próximo dia 27 de setembro. O retorno será feito, inicialmente de forma gradual e escalonada, com 30% dos alunos, com aulas uma vez por semana. Segundo a Secretaria Municipal de Educação (Seduc), o retorno ocorre de maneira híbrida e facultativa. Na segunda fase esse percentual sobe para 60% e na terceira fase, para 100% da turma presencial.

Ainda de acordo com a Administração, os pais que não permitirem o retorno às atividades presenciais deverão redigir uma carta de próprio punho, esclarecendo os motivos que impedem o retorno do aluno.

PROTOCOLOS SANITÁRIOS. 

As instituições devem seguir os protocolos de segurança contra a Covid-19. Além dos protocolos adotados pelas escolas, os alunos e funcionários devem usar máscaras de proteção, a instituição deve oferecer álcool em gel para higienização das mãos, aferir a temperatura, disponibilizar sabonete líquido, toalhas de papel, tapetes umedecidos com água sanitária nos portões de acesso à escola e na porta das salas; respeitar o distanciamento de 1,5 nas salas de aula e refeitórios.

MONITORAMENTO.

De acordo com a Seduc, o Comitê de Combate à Covid-19, fará o monitoramento do retorno por duas a três semanas para avaliar a possibilidade de ampliar o número de alunos atendidos.

Já as creches que funcionam em período integral terão retorno com capacidade de 50%, por isso, os alunos terão aulas presenciais duas vezes por semana.

“O retorno das aulas presenciais na Rede Municipal será realizado de forma gradual, iniciando com 30% da capacidade dos alunos, aulas de uma vez por semana. Após a retomada, o Comitê de Combate de Covid-19 vai avaliar após duas ou três semanas a possibilidade de ampliar o número de crianças atendidas”, disse a Seduc à reportagem do Portal O Taboanense.

Para a volta, o governo municipal aguardou até que os profissionais da educação estivessem com o esquema vacinal contra a Covid-9 completo.

Mesmo com o retorno presencial das aulas, a Prefeitura manterá o pagamento do cartão Merenda na Mesa no valor de R$ 70 aos mais de 28 mil alunos da rede municipal de ensino.

 

Comentários

Tops da Gazeta