últimas notícias
O presidente segue no Guarujá pelo menos até a tarde de terça-feira, dia 12, feriado nacional.
O presidente segue no Guarujá pelo menos até a tarde de terça-feira, dia 12, feriado nacional.
Foto: Reprodução/Redes Sociais

No Guarujá, Bolsonaro sugere que distribuição de absorventes seria armação do PT contra ele

Presidente falou com fãs e apoiadores em um cercadinho montado ao lado de fora do Forte dos Andradas, onde passa o feriado

Em um cercadinho montado para fãs e apoiadores na frente do Forte dos Andradas, em Guarujá, Bolsonaro disse na tarde desse domingo (10) que, caso o Congresso Nacional derrube o seu veto sobre a distribuição gratuita de absorventes à mulheres em situação de pobreza ou vulnerabilidade, ele vai tirar dinheiro da Educação e da Saúde para custear o programa. A decisão do presidente em não aprovar o projeto, que é da deputada Marília Arraes (PT) foi publicada no Diário Oficial da União, no último dia 07.

Em sua fala Bolsonaro disse que "a inteligência poderia ser usada para o bem ou para o mal", se referindo ao projeto da deputada petista, insinuando de que ele serviria como um atalho para o seu impeachment: "Quando apresenta um projeto, tem que mostrar o custeio. Se eu sancionar eu estou em curso, em crime de responsabilidade com o artigo 85 da Constituição, processo de impeachment", analisou.

O presidente segue no Guarujá pelo menos até a tarde de terça-feira, dia 12, feriado nacional.

Não há informações concretas sobre a sua agenda na Região até lá.

Comentários

Tops da Gazeta