últimas notícias
O presidente francês, Emmanuel Macron
O presidente francês, Emmanuel Macron
Foto: FRANCOIS MORI/ASSOCIATED PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Emmanuel Macron testa positivo para coronavírus

Presidente francês vai cumprir o isolamento de sete dias e trabalhará remotamente durante esse período

O presidente da França, Emmanuel Macron, testou positivo para Covid-19 e cumprirá o isolamento por uma semana. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (17) pelo Palácio do Eliseu, sede da presidência francesa.

Segundo o comunicado oficial, Macron foi submetido a um teste RT-PCR logo quando apresentou os primeiros sintomas e confirmou o diagnóstico. Ainda de acordo com o documento, o presidente vai trabalhar de forma remota.

O comunicado não cita se a primeira-dama, Brigitte Macron, de 67 anos, também foi testada.

De acordo com a sede da presidência, ainda não se sabe como Macron contraiu a doença, já que ele teve diversas atividades públicas nas últimas semanas.

Isolamento preventivo

O primeiro-ministro francês, Jean Castex, que teve contato com o presidente, entrará em um isolamento voluntário por sete dias e fará o teste de detecção da doença.

O chefe do governo da Espanha, Pedro Sánchez, também entrou em uma quarentena preventiva até o dia 24 de dezembro, pois encontrou Macron em Paris. De acordo com o governo espanhol, Sánchez será testado de imediato.

O primeiro-ministro de Portugal, Antonio Costa, também entrou em isolamento preventivo e cancelou todos os seus compromissos oficiais.

Casos

Na França, foram registrados mais de 17 mil casos da doença nas últimas 24 horas, de acordo com a Universidade Johns Hopkins. Desde o início da pandemia, o país registrou 2.456.126 casos e 59.472 mortes por covid-19

Comentários

Tops da Gazeta