últimas notícias
Prova terá 45 questões e uma redação; o participante deve escolher uma língua estrangeira para compor a prova
Prova terá 45 questões e uma redação; o participante deve escolher uma língua estrangeira para compor a prova
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Inscrições para o Enem começam nesta segunda-feira

Taxa de inscrição é R$ 85 e precisa ser paga até o dia 28; participante deve escolher entre o Enem digital ou impresso

As inscrições para a edição de 2020 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começam nesta segunda-feira (11) e se encerram no dia 22 de maio. A inscrição pode ser realizada pelo site do Inep enem.inep.gov.br/.

O Enem deste ano é dividido em duas modalidades: o Enem digital, que será realizado nos dias 22 e 29 de novembro, e o impressa, com a realização nos dias 1 e 8 de novembro. O participante deve escolher uma das duas modalidades e não poderá alterar sua opção.

A aplicação das duas modalidades não se diverge, são duas provas com 45 questões cada, e uma redação em língua portuguesa. Na hora da inscrição, o participante deve escolher uma língua estrangeira para compor a prova, espanhol ou inglês.

Na inscrição, o participante também deve incluir uma foto atual, que será utilizada para identificação no dia da realização da prova. A taxa de inscrição é R$ 85 e deverá ser paga até o dia 28 de maio.

ISENÇÃO.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), mesmo sem o pedido formal, todos os participantes que se encaixarem nas especificações de isenção de taxa garantirão o benefício. A regra vale para os participantes das duas modalidades da prova, inclusive aos participantes de 2019 que faltaram aos dois dias de prova e justificaram ausência.

Então, terão isenção de taxa aqueles que estiverem cursando a última série do ensino médio este ano, em escola da rede pública declarada ao Censo da Educação Básica, tenham feito todo o ensino médio em escolas da rede pública ou como bolsistas integrais na rede privada e tenham renda per capita familiar igual ou inferior a um salário mínimo e meio. Também haverá isenção para aqueles que declarem estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica, por serem membros de família de baixa renda e que estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), que requer renda familiar per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.

O resultado dos pedidos para isenção pode ser acessado na Página do Participante do site do Inep, no aplicativo ou no site do Enem.

ACESSIBILIDADE.

Houve uma mudança na Política de Acessibilidade e Inclusão do Inep, a política de atendimento especializado aos participantes que necessitam tal ajuda. Agora, gestantes, lactantes, idosos e estudantes em classe hospitalar podem solicitar o atendimento. As solicitações devem ser feitas entre 11 e 22 de maio.

O resultado das solicitações será divulgado no dia 29 de maio. Aqueles que tiverem o pedido negado poderão entrar com recurso e o resultado será divulgado no dia 10 de junho.

Os pedidos de tratamento por nome social deverão ser realizados entre os dias 25 e 29 de maio. O resultado está previsto para o dia 5 de junho e também terá um período de recursos, de 8 a 12 de junho, com o resultado no dia 18 do mesmo mês.

Comentários

Tops da Gazeta