últimas notícias
O órgão estadual de trânsito espera liberar cerca de 200 mil documentos emitidos
O órgão estadual de trânsito espera liberar cerca de 200 mil documentos emitidos
Foto: Reprodução/Google

Detran.SP amplia entrega do CRV para todo o Estado

Departamento realiza a entrega do documento através do sistema drive-thru para evitar aglomeração

A partir desta terça-feira (14), o Detran.SP passa a entregar o Certificado de Registro de Veículos (CRV) em todo o estado de São Paulo, através do sistema drive-thru. Anteriormente o sistema de agendamentos pelos despachantes não atendia cidades paulistas que integravam a fase 1 do Plano São Paulo.

Com a ação, o órgão estadual de trânsito espera liberar cerca de 200 mil documentos emitidos. Desde o último dia 1º, quando os despachantes começaram a fazer a entrega de malotes por meio de agendamento com data e horário marcado já foram entregues cerca de 110 mil CRVs.

O diretor-presidente do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP), Ernesto Mascellani Neto, destaca que a utilização do sistema drive thru, que marcou a retomada gradual das atividades presenciais nos postos do Detran.SP e Poupatempo, é importante para manter os serviços essenciais.

Leia mais: 

“Apesar da suspensão temporária do atendimento presencial, por conta do Coronavírus, não medimos esforços para manter serviços públicos essenciais à população e, nesta nova etapa, decidimos ampliar a relação das cidades atendidas, beneficiando um número ainda maior de pessoas”, explica Neto.

O agendamento pelos despachantes pode ser feito através do Sistema de Gerenciamento dos Serviços de Cadastro de Registro de Veículos (e-CRVsp). Após escolher data e horário é só comparecer ao local com o malote e a documentação requerida.

Todos os protocolos sanitários e de distanciamento social serão cumpridos pelos funcionários do Detran.SP e para ser atendido não é necessário descer do carro. Em meio à pandemia, o órgão ampliou para 60 o número de serviços digitais que podem ser feitos sem sair de casa, pelo portal.

Comentários

Tops da Gazeta